Aplicativo Mercado Pago está cobrando taxa para transferir auxílio emergencial

A plataforma “Mercado Pago” tem se tornado popular por tornar possível a transferência do benefício emergencial de R$600,00 ou do FGTS emergencial. Porém, a novidade é que agora para fazer a transferência de ambos auxílio através do cartão de débito virtual, uma taxa será cobrada do usuário.

Essa taxa não é cobrada se a transferência for feita através de boleto bancário, maneira como é feito para transferir valores para as fintechs. Contudo, essa cobrança não é bem vista entre os beneficiários. A tarifa do Mercado Pago está no valor de 0,8% para esse tipo de operações. Segundo a empresa, a tarifa é serve para custear parte das despesas das operações com o cartão de débito virtual.

Se a transferência for feita através do pagamento de boleto, o valor pode levar até dois dias úteis para cair na conta de destino. Já a transferência pelo cartão de débito virtual, que agora tem taxa, é realizada praticamente de forma instantânea. Ou seja, ao fazer a transferência do auxílio de R$600,00 pelo cartão de débito virtual, por exemplo, a taxa cobrada é de R$4,80.

Já no benefício emergencial que é pago a mães que são chefes de família, em que as parcelas são de R$1,2 mil, o valor da taxa é de R$ 9,60. E no caso do saque emergencial do FGTS, no qual o valor é de até R$ 1.045, o valor da taxa para transferência é de até R$ 8,36.

Avalie este artigo