A validade da carteira do idoso é prorrogada até 2021

Foi divulgado nessa semana, que a Carteira do Idoso terá a validade prorrogada até 2021. A medida foi tomara para proteger os idosos durante o surto do novo coronavírus. O governo federal e o Ministério da Cidadania decidiram fazer a prorrogação. A carteira do idoso garante diversos benefícios, como a gratuidade em transportes. Com a nova medida, agora ela só vencerá em janeiro de 2021.

A decisão foi publicada nesta semana no Diário Oficial da União; ela foi tomada pela Comissão Intergestores Tripartite do Sistema Único de Assistência Social. Normalmente, essas carteiras são emitidas no Centro de Referência de Assistência Social de cada cidade. Os idosos são inscritos no Cadastro Único e recebem o Número de Identificação Social (NIS). Agora que a validade foi estendida, não é necessário ir até um Centro de Referência de Assistência Social.

Em nota, Sérgio Queiroz, secretário especial do Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania, relembrou que o grupo faz parte dos mais vulneráveis durante a pandemia. A resolução foi assinada por ele, assim com Elisa Cleia Nobre, presidente do Fórum Nacional de Secretários Estaduais de Assistência Social, e Andreia Carla Lauande, presidente do Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social.

Além de garantir a gratuidade do transporte, a Carteira do Idoso também serve para comprovar a renda desse grupo que recebe até dois salários mínimos. Com o documento, também é possível ter acesso a passagem interestadual gratuita ou desconto de pelo menos 50%. Já foram emitidas quase 5 milhões de Carteiras dos Idosos no Brasil.

Avalie este artigo