Novo calendário do concurso diplomata 2020 será divulgado em breve, após suspensão

Estava em andamento o concurso de Diplomata (Concurso Diplomata 2020) buscando preencher 25 vagas, sendo reservadas 07 vagas (duas para negros e cinco para deficientes).  Nesta quinta-feira, dia 13 de agosto, foi publicada a suspensão do concurso no Diário Oficial da União.

De acordo com o documento, um novo cronograma de provas e atividades será divulgado em momento oportuno, seguindo um edital específico.

As provas objetivas, na primeira fase, seriam aplicadas no dia 30 de agosto. As escritas (Língua Portuguesa e Inglesa), na segunda fase, estavam previstas para 26 de setembro.

Já as provas escritas para as demais disciplinas (3ª fase) aconteceriam entre os dias 31 de outubro a 2 de novembro.

Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES) tem a responsabilidade do certame. Para concorrer a uma das vagas, o candidato deverá ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior (em qualquer área), emitido por instituição de ensino credenciada pelo Ministério da Educação (MEC). O salário inicial será de R$ 19.657,06, incluindo o auxílio alimentação de R$ 458.

Aos servidores da carreira de Diplomata incumbem, nos termos do art. 3º da lei nº 11.440/2006, atividades de natureza diplomática e consular, em seus aspectos específicos de representação, negociação, informação e proteção de interesses brasileiros no campo internacional.

Inscrição Concurso Diplomata 2020

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever entre 6 de julho e 9 de agosto de 2020, no endereço eletrônico oficial da banca organizadora (www.iades.com.br). A taxa de inscrição custará R$224,00, podendo ser paga até 11 de agosto.

Provas

concurso de Diplomata do Instituto Rio Branco vai contar com três fases, sendo a primeira composta por questões do tipo certo ou errado versando sobre as matérias de língua portuguesa (10), língua inglesa (09), história do Brasil (11), história mundial (11), política internacional (12), geografia (06), economia (08) e direito (06).

A primeira fase vai ser aplicada em data a ser definida. A avaliação objetiva vai acontecer nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal. A duração será de 3h30.

A segunda etapa do concurso vai contar com provas escritas, das matérias de língua portuguesa e língua inglesa e a terceira, provas escritas de história do Brasil, geografia, política internacional, economia, direito e língua espanhola e língua francesa.

Sobre

O CACD é o processo seletivo para ingresso na carreira de diplomata. Desde 1996, vem sendo realizado com a regularidade de pelo menos uma vez por ano. Sucede o exame vestibular para admissão no Curso de Preparação à Carreira de Diplomata (CPCD), o qual vigorou até 1995. Desde a edição de 2002, o CACD é realizado com a colaboração do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CEBRASPE/UnB). Trata-se de concurso de abrangência verdadeiramente nacional, pois todas as fases são aplicadas em todas as capitais estaduais e no Distrito Federal.

A aprovação no CACD habilita o candidato a ingressar no cargo de terceiro secretário da carreira de diplomata de acordo com a ordem de classificação obtida e a matricular-se no Curso de Formação do Instituto Rio Branco.

Informações do concurso

  • Concurso: Diplomata
  • Banca organizadora: IADES
  • Escolaridade: superior
  • Número de vagas: 25
  • Remuneração: R$ 19.657,06
  • Inscrições: entre 6 de julho e 9 de agosto de 2020
  • Taxa de Inscrição: R$224,00
  • Provas: a definir
  • Situação: PUBLICADO
Avalie este artigo